Menu
If you wish to contribute to the restoration of Notre Dame, you can make a donation
to the 'Fondation du Patrimoine' (Heritage Foundation) or the Centre des Monuments Nationaux.
  • Exposição Paris – Londres
  • Exposição Paris – Londres
  • Exposição Paris – Londres
  • Exposição Paris – Londres
  • Exposição Paris – Londres
  • Exposição Paris – Londres
  • Exposição Paris – Londres

Exposição Paris – Londres

Ingresso válido no dia de sua preferência, até 5 de janeiro de 2020.
e-ticket
6
Incluído no Paris passlib'saiba mais +
Reserva
Reservar
Exposição Paris – Londres
Exposição Paris – Londres
De terça a sexta, das 10h às 17h30. Sábados e domingos das 10h às 19h. Fechado às segundas-feiras. Horário noturno às quartas-feiras, até 21h (a partir de 15 de maio de 2019).

Paris-Londres, Music Migrations (1962-1989)

O que o reggae-punk, o ska e o asian underground têm em comum?

Resposta: cada um desses estilos musicais é fruto de um rico processo de miscigenação.

Com a exposição Paris-Londres, Music Migrations (1962-1989), o Musée National d’Histoire de l’Immigration mostra os caminhos inusitados que a música dessas duas capitais percorreu entre a década de 1960 e o final dos anos 1980, graças a diversos fluxos migratórios.

A exposição descreve os pontos em comum da história musical de Paris e Londres, duas importantes capitais europeias. Pelo fato de ambas terem comandado grandes impérios coloniais até o final do século XX, as migrações resultantes desse domínio produziram uma intensa miscigenação entre as culturas da Ásia, da África e da Europa.

Na confluência da música, da luta contra o racismo e da mobilização política, a exposição mostra de que forma essas populações de diversas origens incorporaram instrumentos musicais para reivindicar seus direitos, para criar e para existir.

Mais de 600 documentos e obras de arte são apresentados na exposição, com fotografias, quadros, cartazes de shows, capas de disco, etc. O grande destaque, porém, é a rica playlist que marca o ritmo da visita, reunindo dezenas de artistas: Neneh Cherry, Alpha Blondy, Asian Dub Foundation, Desmond Dekker e Négresses Vertes, entre outros.

Ingressos gratuitos:
Todo primeiro domingo do mês, para todos os tipos de público.
Jovens com menos de 26 anos.
Funcionários ativos ou aposentados da DAIC (Direction de l'Accueil, de l'Intégration et de la Citoyenneté). 
Funcionários do Ministério francês do Interior.
Titulares do cartão "família numerosa".

Importante:
O ingresso inclui o acesso à exposição permanente.
Em caso de gratuidade ou fechamento do museu por razões excepcionais (greve, feriado, etc.), não haverá reembolso do valor do ingresso, nem extensão da validade dos ingressos.
É terminantemente proibido entrar no museu com malas ou bolsas de viagem.
Os vestiários estão disponíveis unicamente para mochilas com dimensões superiores ao formato A3.
O ingresso para o Musée National de l'Histoire de l'Immigration está incluído no Paris Passlib' e no Paris Museum Pass!

Horários

De terça a sexta, das 10h às 17h30.
Sábados e domingos das 10h às 19h.
Fechado às segundas-feiras.
Horário noturno às quartas-feiras, até 21h (a partir de 15 de maio de 2019).

Destaques

- Ingresso sem fila
- Uma autêntica experiência musical e visual.
- Mais de 600 documentos e obras de arte relacionados à música.
- Shows gratuitos na exposição e no terraço provisório do Palais de la Porte Dorée (todas as quartas-feiras a partir de 22 de maio até o final de setembro).
  • Paris passlib'
  • Garantia de preços baixos

Acesso

Musée de l'Histoire de l'Immigration
Palais de la Porte Dorée
293, avenue Daumesnil
75012 Paris
Estação Porte-Dorée (Linha 8)

Ônibus Linha 46 : estação Porte-Dorée 

Bonde, linha T3: estação Porte-Dorée.

Você também vai gostar

Siga-nos
Menu
Nossos espaços Web
Nossos parceirosMairie de ParisCCI ParisAtout France
© 2015 Escritório do Turismo e dos Congressos em Paris - Todos os direitos reservados
FontChargement